Furação com método wire line

No sistema wire line o amostrador possui dois tubos, um interno e outro externo. O testemunho é acondicionado no tubo amostrador interno, que pode ser destacado do tubo amostrador externo, o que permite a retirada do testemunho do fundo do furo sem ter de remover todo o sistema de varas. A remoção do testemunho processa-se fazendo descer pelo interior das varas um cabo com um dispositivo concebido para desengatar o tubo interno do amostrador. O tubo e o testemunho contido no seu interior são puxados para a superfície pelo cabo lançado pelo interior das varas de furação.

Após a recuperação do testemunho o tubo amostrador interior é novamente introduzido no interior das varas de furação e descido até ao fundo do furo, sendo de novo engatado no tubo amostrador exterior, retomando-se a furação.

A furação com sistema wire line é particularmente adequada quando os maciços a investigar são constituídos por materiais competentes, preferencialmente a partir dos horizontes mais superficiais e quando se pretende investigar a profundidades superiores a 50-70m.

O sistema wire line permite, tal como o método convencional, a utilização de vários diâmetros de furação.